Espetáculo infantil “De Íris ao arco-íris” no Teatro Bruno Nitz

Espetáculo infantil “De Íris ao arco-íris” no Teatro Bruno Nitz

Montagem é inspirada em conto de fadas baseado na perseverança e foi desenvolvida para crianças com deficiência auditiva

A peça infantil “De Íris ao Arco-íris”, de Recife (PE), está em cartaz em Balneário Camboriú (SC), no Teatro Municipal Bruno Nitz, na quinta-feira (09.07), em duas sessões, às 15h e às 20h .A encenação inspirada no conto de fadas tem a direção de Jorge de Paula e foi desenvolvida para que crianças surdas também possam fruir do espetáculo teatral. A peça não possui falas e se caracteriza como teatro de sombras e bonecos.

Os ingressos estarão à venda ao valor de R$20 (vinte reais – inteira) e R$10 (dez reais – meia), a partir do dia 06 de julho, na Instaladora Palestina, nas lojas de Balneário Camboriú e Itajaí. Interessados também podem adquirir os ingressos no dia do evento, na bilheteria do Teatro de Balneário Camboriú. Em parceria com Associações, crianças e adolescentes surdos terão acesso livre ao espetáculo, sem cobrança de ingresso. Ao término das sessões, será realizado um bate-papo entre a equipe artística e a plateia, contando com a presença de um intérprete de LIBRAS.

A apresentação integra o projeto “No Rastro das sete cores: circulação De Íris ao arco-íris”, contemplado com o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2014, que fará apresentações do espetáculo teatral para infância e juventude, “De Íris ao arco-íris”, pelas cidades de Balneário Camboriú (SC), Cuiabá (MT), Rio Branco (AC), Teresina (PI) e Caruaru (PE), entre os meses de julho e agosto.

“De Íris ao Arco-Íris” apresenta um enredo sobre a história de Íris, uma lagarta curiosa que se transforma em borboleta e que irá enfrentar inúmeros desafios, entre eles a questão da morte, pouco debatida em espetáculos para crianças.  O elenco conta com as atrizes Lucélia Albuquerque, Iara Campos e Andrea Veruska, além do próprio Jorge.

Sinopse:

O espetáculo conta a história da lagarta Íris que faz de tudo para chegar ao reino encantado. Certo dia, ao se transformar em uma borboleta de cores exuberantes, Íris aparece de surpresa na festa de aniversário do rei do Jardim Sereno de Manhãzinha, Muito Calor à Tardinha e, por não se submeter aos caprichos desse truculento soberano, é expulsa do jardim. Mesmo assim, ela não desistirá de chegar ao reino que tanto deseja. Trata-se de um espetáculo sem uso de linguagem oral que contempla um público-alvo de crianças a partir dos 04 (quatro) anos de idade, surdas e ouvintes, lançando mão dos recursos do teatro de sombras — projeções de sombras em telas obtidas pela incidência de luz sobre silhuetas e a técnica de teatro de objetos e bonecos.

Realizadores:

O espetáculo De Íris ao arco-íris é uma ação coletiva que dá voz à inquietação artística e pessoal de jovens criadores, graduados em Artes Cênicas pela Universidade Federal de Pernambuco – UFPE, que motivados pelo interesse em investigar o Teatro para Infância e Juventude e o Teatro de Formas Animadas, se juntaram a fim de pesquisar estas linguagens e construir uma encenação que tem como público alvo crianças surdas.

Serviço:
Espetáculo: De íris ao arco-íris
Dia: 09 de julho (quinta-feira), às 15h e às 20h
Local: Teatro Municipal de Balneário Camboriú
Ingressos à venda: R$20 (inteira) e R$10 (meia)
Local de vendas: A partir do dia 06 de julho, na Instaladora Palestina
Endereços:
Balneário Camboriú – Av. Estado, 3400 – (Bairro Centro)
Itajaí – R. Silva, 600 (Bairro Centro)
No dia do evento os ingressos estarão à venda no Teatro de Balneário Camboriú
Duração: 50 Minutos
Faixa etária: a partir de 4 anos de idade
Gênero: teatro de sombras e bonecos

Ficha Técnica 

Texto dramático: Criação coletiva a partir da obra De Íris ao Arco-íris, de Jorge de Paula.
Encenação: Jorge de Paula.
Elenco: Andréa Veruska, Iara Campos, Jorge de Paula e Lucélia Albuquerque.
Design de luz: Eron Villar
Operação de luz: Eron Villar e Dado Sodi
Criação de silhuetas e programação visual: Luciano Félix.
Cenografia e indumentária: Marcondes Lima.
Confecção de bonecos e adereços: Henrique Celibi.
Trilha sonora original e execução: Júlio Morais.
Técnicos de palco: Kátia Virgínia, Gustavo Teixeira e Junior Brow.
Direção de produção e administração: Karla Martins (Decanter Articulações Culturais).
Produção executiva: Andréa Veruska, Jorge de Paula e Karla Martins.

Produção Local: Ana Paula Beling e Camila Pimenta

Assessoria de Imprensa: Subjétil Comunicação
Camila Gonçalves 47 9654-9105
Karoline Gonçalves 47 9954-9566

Matérias similares

No related posts found.