Talentos mirins apresentaram-se no Teatro Bruno Nitz na quarta-feira (15)

Talentos mirins apresentaram-se no Teatro Bruno Nitz na quarta-feira (15)

Os resultados do Programa Mais Cultura nas Escolas foram apresentados na noite de quarta-feira (15) em Balneário Camboriú. Seis escolas mostraram no palco do Teatro Bruno Nitz os trabalhos desenvolvidos nos últimos dois anos. No evento denominado “Quanto Mais Cultura, Mais Educação’’, da Secretaria Municipal de Educação, houve exposição fotográfica, apresentações de atividades circenses, de capoeira, dos bonecos de percussão, entre outras performances artísticas. Participaram do programa os centros educacionais municipais Armando Cesar Ghislandi, Tomaz Francisco Garcia, Dona Lila, Giovania de Almeida, Alfredo Domingos da Silva e o Centro Integrado de Educação Pública Rodesindo Pavan (Ciep).

O Mais Cultura nas Escolas consiste numa parceria entre os ministérios da Educação e da Cultura e o município. O programa objetiva o resgate da cultura popular, buscando trabalhar o aluno como um todo, valorizando a história dele e a história do meio em que vive.

Hino Nacional

O evento foi aberto pelos estudantes do Armando Cesar Ghislandi (foto acima), que entoaram versões diferentes para os hinos Nacional, com o toque de capoeira São Bento de Angola, e Municipal, com o toque do Maculelê, dança folclórica de origens afro-brasileira e indígena.

Canto Coral

Alunos do Núcleo de Atendimento de Contraturno do Projeto Oficinas apresentaram-se na categoria Canto Coral (foto acima). Os estudantes interpretaram as canções “Amigo do Sol, Amigo da Lua”, “Aleluia”, “O Caderno”, “Tudo Depende de Nós” e “Oiepo Itaita ie”, sob a orientação dos professores Silvana Luvison e Rafael Petry.

Fotogafia

No Programa Mais Cultura nas Escolas, os estudantes também tiveram aula de fotografia. A fotógrafa Jusselen Nunes e alunos do Centro Educacional Municipal Alfredo Domingos mostraram seus trabalhos com a exposição “Fotografia, Ciência e Arte na Escola” (foto acima).

Malabares

Atividades circenses animaram a plateia, que lotou o teatro. O professor Allef Garcia e estudantes do Centro Educacional Municipal Giovânia de Almeida exibiram a arte dos malabares, das mágicas e a alegria dos palhaços (foto acima).

Dança

Já os alunos do CIEP Rodesindo Pavan dançaram com a música “O Som da Liberdade” (foto acima).

Maculelê

A beleza do Maculelê (foto acima) foi mostrada pelos estudantes do Armando Cesar Ghislandi. O Maculelê é um bailado guerreiro, uma manifestação cultural de Santo Amaro da Purificação (BA). Mantém-se preservado graças a incorporação da dança tribal por grupos de capoeira.

Bonecos

Estudantes do Tomaz Garcia apresentaram o espetáculo “Percussão de Bonecos Gigantes” (foto acima). Os treze bonecos foram confeccionados pelos próprios alunos, no contraturno escolar. Nas oficinas do Programa Mais Cultura nas Escolas, eles tiveram aula de percussão, nas quais estudaram a música brasileira e regional, como samba, baião e maracatu.

Circenses Potyra

Artistas mirins do Centro Educacional Municipal Dona Lila, orientados por Potyra Najara, mostraram números circenses ao som de samba (foto acima). A apresentação teve a participação especial da cantora Bárbara Damásio e do músico Luciano Candemil.

Potyra

O evento foi encerrado pela atriz e artista circense Potyra Najara, que apresentou números em tecido acrobático.
Prefeitura de Balneário Camboriú
Fundação Cultural
Texto: Silvana de Castro (jornalista)
Foto: Celso Peixoto/ FCBC
Assessoria de Comunicação: (47) 3366-5325
www.culturabc.com.br
facebook.com/fundacaocultural
www.balneariocamboriu.sc.gov.br
facebook.com/prefeituradebalneariocamboriu
instagram.com/prefbc

Matérias similares

No related posts found.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *