Skip to content

Selecione o texto para escutar

PORTARIA nº 020/2023 FCBC de 17 de novembro de 2023 DO 12º FESTIVAL DA CANÇÃO DE BALNEÁRIO CAMBORIÚ

A Presidente da Fundação Cultural de Balneário Camboriú, no uso de suas atribuições legais e regulamentares, resolve nomear os membros pareceristas, credenciados pelo Edital 002/2021 e convocados conforme Portaria nº 017/2023/FCBC de 27 de outubro de 2023, para compor a Comissão Julgadora, nas apresentações ao vivo, do 12º Festival da Canção de Balneário Camboriú. 

A Comissão Julgadora é órgão transitório, de deliberação colegiada, constituído especificamente para o Edital nº 007/2023, chamamento público para o 12º Festival da Canção de Balneário Camboriú, composta pelos jurados Andrea Carina Mengarda, Eduardo Carneiro da Silva, Helder Alves de Oliveira, Leticia Martins Dias e Luciano da Silva Candemil, como Produtor Executivo do evento.

Denize Aparecida Rodrigues da Costa Leite
Presidente da Fundação Cultural de Balneário Camboriú

Currículo dos membros da Corpo de jurados

Andrea Mengarda – Curitiba/PR

Graduação em Música e Instrumento Violino na Escola de Música e Belas Artes do Paraná (Unespar/Campus Curitiba). Pós-graduada em Educação Musical com foco em Projetos Sociais Música. Atuou como violinista na Orquestra Noite de Gala, da TV CNT/GAZETA. Participou como violinista na Orquestra de MPB da Cidade de Curitiba/PR sob a regência do Maestro Roberto Gnatalli acompanhando grandes nomes da música brasileira. Participou como violinista convidada na Orquestra Sinfônica do Paraná, Orquestra Jovem de Joinville, Orquestra da Faculdade Estadual de Santa Catarina em Florianópolis. Participou de Oficinas de Música da Cidade de Curitiba PR, Festival de Música de Londrina PR, Festival de Inverno de Campos do Jordão SP. Excursionou com o Grupo Musical Edelweiss na Alemanha, Áustria e África do Sul. Lecionou violino na Escola de Música Municipal de São Bento do Sul e em Ciudad Del Leste (PY) para a comunidade Chinesa e Coreana. Professora e coordenadora do Projeto Orquestra de Cordas Fundação Solidariedade Campo Magro /Volvo/ Lei Rouanet. Professora e coordenadora do Projeto Música Patronato Santo Antônio São José dos Pinhais 2017- 2019. Andrea é analista de projetos culturais de Música do Governo Do Distrito Federal, na Secretaria De Estado De Cultura e Economia Criativa, do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura – FUNCULTURA, do Estado do Espírito Santo – Secretaria de Estado da Cultura SECULT, Município de Taubaté/SP e do Ministério da Cultura.

Eduardo Carneiro – São Paulo/SP

Eduardo Carneiro é gestor cultural, graduado em Comunicação Social pela Universidade Anhembi Morumbi, com pós-graduação em Gestão e Políticas Culturais pela Universidade de Girona na Espanha. É Analista de Projetos Culturais – Área de Música do Serviço Social da Indústria – SESI-SP e Supervisor de Projetos Culturais no Centro Cultural FIESP. Ao longo da carreira foi responsável pela área de música do Centro Cultural FIESP e pela curadoria musical da rede de teatros do Serviço Social da Indústria – SESI-SP no Estado de São Paulo, além da gestão da Orquestra Filarmônica SESI-SP, ao lado do renomado maestro João Carlos Martins. Hoje, atua como gerente no Instituto Baccarelli em São Paulo, espaço de referência na formação musical de jovens, na condução de projetos socioculturais. Implantou e desenvolveu os Núcleos de Música SESI-SP e foi responsável pela metodologia de ensino musical, para os 10 núcleos com cerca de 1.500 alunos participantes, com cursos gratuitos de Iniciação Musical e Camerata de Cordas, no aprimoramento de instrumentos como violino, viola de arco, violoncelo e contrabaixo acústico. Responsável pela produção da Mostra de Música Erudita SESI-SP, de forma simultânea, em 15 cidades por todo o Estado de São Paulo; Quartas Musicais, que apresenta o cenário musical da música popular brasileira, com renomados e novos artistas emergentes; Domingo na Paulista, com apresentações musicais que dialogam com o projeto da prefeitura de São Paulo; Ruas abertas, que aos domingos abre a Avenida Paulista, aos pedestres; Café com Música, proposta de uma interação intimista entre o público e o artista; Palco Aberto, que promove, valoriza e fomenta a cultura musical; e Palco Aberto, que oferece aos novos artistas, espaço para mostrar seus talentos musicais.


Helder Alves de Oliveira – Campina Grande/PB

Helder Oliveira fez parte da Camerata de Flautas do IFRN, com turnê pelo Nordeste.  Participou da 1ª Quinzena Barroca do RN e gravou um CD, que contém uma composição de sua autoria. Durante sua graduação em música na UFRN, participou de inúmeros recitais como pianista acompanhador e solista na UFRN e em festivais de corais. Fez parte do grupo Canto Dell’Arte para a apresentação da ópera Orfeu e Eurídice, de Gluck, no Teatro Alberto Maranhão, Natal-RN. Na UFRN, teve suas primeiras composições tocadas e fez arranjos para recitais do Curso de Iniciação Artística da UFRN, nos quais também participou como intérprete. Estudou composição, orquestração, contraponto e harmonia no Instituto Waldemar de Almeida, em Natal-RN. Fez curso técnico em piano da UFRN. Participou como solista e acompanhador de inúmeros recitais, master-classes e festivais nacionais. Integrou a equipe do Coral Infantil do IFRN, sob direção da professora Lourdinha Lima, e fez parte da gravação do CD desse coral e da edição do livro de partituras das músicas do CD. Em 2015, passou a integrar o projeto SESC Partituras, tendo suas obras apresentadas em concertos por todo o país. Em 2019, fez apresentações artísticas na Louisiana State University, EUA. Helder vem participando de festivais de música e sendo premiado em concursos de composição nacionais e internacionais. Suas obras têm sido tocadas e publicadas ao redor do mundo. Professor de piano, teoria, harmonia, análise, arranjo, história geral da música e história da MPB em diversas universidades brasileiras. É doutor em música pela UFRJ, pianista do Coral da Fiocruz, professor de piano, se apresenta regularmente na Igreja Adventista, rege um quarteto vocal de adolescentes e é professor de música do Colégio Pedro II, no Rio de Janeiro, onde atualmente reside.

Letícia Dias – Rio de Janeiro/RJ

Cantora, produtora e parecerista cultural, é formada em Ciências Sociais pela UFRJ e em Música pela UNIRIO. Canta e produz o grupo vocal Equale, vencedor de melhor grupo de MPB no 29º Prêmio da Música Brasileira. Pesquisadora do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular, em que participou do inventário dos bens culturais imateriais: viola-de-cocho pantaneira (MS) e Jongo no Sudeste. Trabalha há quase 30 anos com corais de empresa na equipe do maestro Edu Morelenbaum e é gerente de projetos do selo SaladeSom. Atua como analista de editais culturais, de leis de incentivo e na curadoria de festivais de música, como Festival de Inverno de Garanhuns (2023), Festival de Música de Fortaleza (2023), Prêmio Funarte Festivais de Música 2022, III Festival da Canção da Paraíba, entre muitos outros. Desde 2022 é embaixadora do WME Awards (Women’s Music Event). Em agosto de 2023 produziu o concerto na Sala Cecília Meireles (RJ) com 300 vozes. Como cantora do Equale, gravou três álbuns e participou de inúmeros shows e turnês do grupo vocal que foi aclamado o melhor grupo de MPB no Prêmio da Música Brasileira de 2018, em cerimônia no Theatro Municipal do RJ.

Luciano Candemil

É doutor em música pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). É percussionista, compositor, professor, pesquisador e produtor. Atua na música popular, em especial com os ritmos de matrizes africanas, participando de shows, gravações, elaboração e execução de projetos culturais, oficinas e workshops, além de trabalhos acadêmicos em nível nacional e internacional. Como compositor tem diversos prêmios em festivais, discos gravados e composições interpretadas por outros artistas. Participou de todas as edições do Festival da Canção de Balneário Camboriú, como ouvinte, compositor, instrumentista, jurado e produtor, e mais uma vez, este ano, assume a produção executiva/musical, coordenando os trabalhos da Comissão Julgadora.

Leia também

Resultado da análise documental – Habilitados LIC 2024
A Fundação Cultural de Balneário Camboriú, em cumprimento aos termos do Edital nº 013/2023 – LIC Prêmio 2024, torna pública a lista dos proponentes HABILITADOS, após análise documental das inscrições
Read More
Resultado Preliminar – Lei Paulo Gustavo 2024
A Fundação Cultural de Balneário Camboriú torna público o resultado parcial do Edital 001/2024 de Seleção de Projeto Cultural de Audiovisual para firmar Contrato de Execução Cultural com recursos federais
Read More
16/02/2024 – (Retificação) Portaria Nº 002/2024/FCBC – Comissão de Seleção Edital 001/2024 Audiovisual LPG
A Presidente da Fundação Cultural de Balneário Camboriú, no uso de suas atribuições legais eregulamentares, resolve retificar os membros para compor a Comissão de Seleção, selecionadosentre os curadores credenciados pelo
Read More
Pular para o conteúdo